Slider

[Resenha] Lobo por Lobo, Ryan Graudin

quinta-feira, janeiro 25, 2018

Ryan Graudin
Editora Seguinte, 2016, 360 páginas. SKOOB


Era uma vez, em outra época, uma garota que viva no reino da morte. Lobos uivavam em seu braço. Uma matilha inteira - feita de tinta e dor, memória e perda. Era a única coisa nela que sempre continuava igual. Sua história começa num trem.


Em uma realidade completamente diferente da nossa, onde o Eixo saiu vitorioso na Segunda Guerra Mundial e a Alemanha, comandada por Hitler, e o Japão dominam o mundo.

Para celebrar a Grande Vitória, eles criaram o Tour do Eixo, uma corrida de motos pela Europa e Ásia, onde o vencedor ganha fama, dinheiro e um encontro com Adolf Hitler em pessoa durante o Baile da Vitória.

Nesse cenário, Yael faz parte da resistência e recebeu a missão de se infiltrar na Tour do Eixo, ganhar a corrida e matar Hitler.


Yael era uma tela em branco. Um cabide com uma pele bonita pendurada nele.

O livro começa bem lento, sem a gente entender muito o que está acontecendo, porém quando tudo se encaixa e o grande segredo de Yael é revelado, a leitura embala e o livro fica realmente bom.

Aos poucos nós vamos entendendo melhor quem Yael é, seus motivos para estar na resistência e o porque de tanta fúria. Isso acaba gerando uma enorme curiosidade no leitor, já que durante a corrida Yael tem que lidar com o irmão e o suposto namorado da garota que é seu disfarce.

Tal mistério não é resolvido no primeiro livro, mas o segundo já foi lançado no Brasil e recebeu o nome de Sangue por Sangue, em breve teremos resenha dele aqui!

Então Yael traçou todos. Um por um. Vida por vida. Lobo por Lobo.

Um comentário:

  1. Eita, já fiquei interessada! Gostei muito da premissa do livro, apesar de ter tantas facetas da Segunda Guerra já espalhadas por ai afora, já posso ler mais um. Espero que você goste de emprestar livros amiga, a Guerra do Velho eu já tava de olho e agora mais esse kkkkkk

    ResponderExcluir

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan