Slider

[Resenha] Anna e o Beijo Francês, Stephanie Perkins

sábado, abril 07, 2018



Editora Novo Conceito, 2011, 288 páginas, Skoob

“Isto é tudo que eu sei sobre a França: Madeline, Amélie e Moulin Rouge. A Torre Eiffel e o Arco do Triunfo também, embora eu não saiba qual a verdadeira função de nenhum dos dois. Napoleão, Maria Antonieta e vários reis chamados Louis. Também não estou certa do que eles fizeram, mas acho que tem algo a ver com a Revolução Francesa, que tem algo a ver com o Dia da Bastilha. [...] E mímicos. A comida supostamente é boa, as pessoas bebem muito vinho e fumam muitos cigarros.”



Paris, a Cidade Luz! 
Não sei quanto a vocês, mas é um sonho para mim morar naquela cidade. A Torre Eiffel iluminando a cidade e acalantando os corações apaixonados, a Catedral de Notre Dame toda imponente, fazendo com que você se lembre da sua infância, quando você assistia o Corcunda de Notredame comendo pipoca no sofá da sala. E os museus?! Acho que visitaria minha amiga Mona (popularmente conhecida por Mona Lisa, mas como somos bem íntimas, é só Mona mesmo) sempre que desse. Sem contar a comida! Acho que se eu morasse em Paris minha casa seria uma pâtisserie, eu ia me esbaldar nos macarons e nos éclairs de chocolate! Teria sido perfeito se meu pai tivesse virado pra mim dizendo que eu iria fazer o ensino médio lá. Como eu disse, teria sido perfeito para mim, mas as coisas não foram bem assim para a minha amada xará Anna Oliphant. 


“Não é que eu seja ingrata, quero dizer, é Paris. A Cidade Luz! A cidade mais romântica do mundo! Não sou imune a isso. É que essa coisa de internato tem mais a ver com meu pai do que comigo. Desde que vendeu tudo e começou a escrever livros capengas- que foram transformados em filmes mais capengas ainda-, ele tem tentado impressionar seus amigos figurões de Nova York, esnobando o quão rico ele é.”


Anna só queria terminar seu colegial em Atlanta, ter a companhia fiel de sua melhor amiga, curtir um tempo com seu novo- quase namorado- crush e continuar trabalhando no cinema da cidade, mas seu pai resolveu que ela devia estudar fora do país. Matriculou-a na SOAP- School of America in Paris-, um colégio interno para pessoas americanas situado em Paris e mandou-a pra lá. É nessa escola que Anna tem a oportunidade de conhecer pessoas incríveis, e outras nem tão incríveis assim, e conhecer Étienne St. Clair, o garoto mais incrível do universo- que namora. No decorrer dos dias ela e St. Clair se tornam bons amigos e ela percebe que é só mais uma garota que caiu nas graças do charme do garoto, porém quando ela se dá conta disso já é um pouco tarde, já que se vê apaixonada por seu novo melhor amigo, que namora, e se não namorasse também, poderia ter qualquer garota que quisesse num estalar de dedos.


 “Cabelo bonito.
-Tudo bem, também não te vi. Você está bem?
Minha nossa. Ele é ingês.
-Er. A Mer mora aqui?
Honestamente, não conheço nenhuma garota americana que resista a um sotaque inglês.”

O QUE DIZER DESSE LIVRO, GENTE? AMEI, APENAS! Fui meio que obrigada a ler ele por uma amiga da faculdade (obrigada, Carol). Sério. Ela virou pra mim um dia assim: “Olha Ana, eu trouxe esse livro aqui pra você ler, achei sua cara, espero que goste! ” e aí eu li e amei. Primeiro, a protagonista tem meu nome, tudo bem que o dela escreve com dois ‘n’, mas Ana é Anna também, uai. Segundo, eu amo romances adolescentes. Geralmente eles me acalmam, sabe? Terceiro, mas não menos especial, a escrita da Stephanie é fluida e leve, te envolve na história e sempre te deixa com um gostinho de quero mais, vale muito a pena ler!  

Bom, por hoje é só! Você já conhecia esse livro? Já leu algum outro livro dessa autora? Gostou?
Me conta aí, vai! 
Bom fim de semana! Esperarei por vocês aqui semana que vem, ok?! Beijocas!

10 comentários:

  1. Eu já era louca pra ler esse livro quando lançou, depois desisti. E agora estou super afim de novo. GRAÇAS A ESSA RESENHA. Sério. Eu também sonho em visitar (não morar) Paris, porque!!! A cidade luz!!! HAHAHA deve ser incrível. E gosto de livros no estilo, então acho que seria ideal pra mim.

    Beijo!
    www.controversos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Caroline! Leia! É muito bom! Eu amo de paixão esse livro! Amo de paixão Paris também hahahahaha

      Excluir
  2. Oi! Adorei a resenha! Paris é realmente uma cidade incrível! ;)

    beijos!

    https://ludantasmusica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho e pela visitinha, Lu!
      Beijocas!

      Excluir
  3. Ai amiga, queria ler esse livro em inglês, será que eu dou conta?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Miga, eu li em português, mas a Looh leu em inglês e achou tranquilo de ler, acho que você da conta também.
      Pretendo comprar ele e o Isla em inglês e vou relê-los, vamos ver quando vai ser isso... Hahahahahaha
      Beijocas

      Excluir
  4. Oi Ana, como vai?
    Suas fotos ficaram muito lindas! Esse blog é muito criativo nas fotos, parabéns.
    Bom, não conheço esse livro ainda e apesar da linda resenha que você escreveu, não fiquei interessada no livro, como voltei agora a ler romances, estou escolhendo muito bem cada uma delas, não quero ficar tanto anos sem ler o gênero novamente.

    Beijos e abraços
    http://vickyalmeida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vivi eu vou bem, e você?
      Eu sou super suspeita pra falar dele, por que eu simplesmente amei. Hahahah
      Dá um tempinho, mais pra frente quem sabe você não interessa? Isso sempre acontece comigo!
      Obrigada pela visitinha!
      Beijocas!

      Excluir
  5. Oi, tudo bem?!
    Eu já ouvi falar um pouco sobre esse livro, mas esta é a primeira vez que vejo uma resenha, e ele parece ser muito gostoso de se ler. Parabéns pela resenha! Eu sei que é uma trilogia, mas acabou que comprei apenas o Isla e o final feliz, fique com mais vontade ainda de ler um livro dessa autora, hehe.

    Beijos

    Blog Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel, eu vou bem e você?
      Esse livro é muito gostoso de ler, a leitura dele é super tranquila e divertida, sabe? Eu li o Anna em 2016 e ano passado meu namorado me deu de presente o Isla (que eu também amei de paixão). Agora no inicinho do ano eu comprei o Lola e o garoto da casa ao lado, mas na versão em inglês e estou super ansiosa pra ler ele já!

      Excluir

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan