Slider

[Resenha] O Livro dos Espelhos, E. O. Chirovici

quinta-feira, maio 10, 2018

E. O. Chirovici

Record, 2017, 322 páginas. SKOOB


Sinopse

Quando o agente literário Peter Katz recebe por e-mail um manuscrito parcial intitulado O livro dos espelhos, ele fica intrigado. O autor, Richard Flynn, descreve seus dias em Princeton, e documenta sua relação com Joseph Wieder, um renomado psicólogo, pesquisador e professor. Convencido de que o manuscrito completo vai revelar quem assassinou Wieder em sua casa, em 1987 — um crime noticiado em todos os jornais mas que jamais foi solucionado —, Peter Katz vê aí sua chance de fechar um negócio de um milhão de dólares com uma grande editora. O único inconveniente: quando Peter vai atrás de Richard, ele o encontra à beira da morte num leito de hospital, inconsciente, e ninguém mais sabe onde está o restante do original. Determinado a ir até o fim neste projeto, Peter contrata um repórter investigativo para desenterrar o caso e reconstituir o crime. Mas o que ele desenterra é um jogo de espelhos, uma teia de verdades e mentiras, e uma trama mais complexa e elaborada que a do primeiro lugar na lista de mais vendidos dos livros de ficção.

E. O. Chirovici

O que eu achei

Eu conheci esse livro em um Mochilão da Record e fiquei babando na história. Quando o representante da Record falou sobre ele eu só queria sair de lá, comprar e engolir esse livro. Porém isso só foi acontecer um tempo mais tarde.

Quando finalmente comprei esse livro, aquele desespero para ler tinha passado um pouco e eu acabei deixando pra mais tarde a leitura.

Nesse início do ano eu li. E sabe aquela velha conversa de uma história ótima que foi mal executada? Então... É esse livro purinho!

Eu sou a louca dos suspenses e policiais e esperava muito desse livro. Gente! Imagina isso. Um livro dentro de outro livro. A receita do sucesso, porém não deu...

E. O. Chirovici

O início é bem interessante, quando o editor recebe o livro e começa a ler o que Flynn tinha para contar sobre a história do assassinato do Professor Wieder.

Porém, logo em seguida, na parte que surge o jornalista para investigar tudo e fechar esse caso, a história da uma boa esfriada e o autor não conseguiu sustentar bem essa parte. A narrativa ficou arrastada a história ficou extremamente chata. 

Foi muito difícil concluir essa leitura, porém não consigo abandonar uma leitura e fico me sacrificando até o final...

4 comentários:

  1. Adorei a resenha! Eu atualmente estou sedenta por livros de suspense, e parece que este é um deles.
    Adoro ler livros que os personagens principais são escritores, é tão legal, haha!

    Beijos<3

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?

    Eu já gostei mais de gênero policial investigativo, mas perde o interesse há um tempo e ainda não me deu aquela vontade enlouquecedora para ler novamente.
    Não gosto muito dessa ideia de "livro dentro de livro" e não sei se essa história me envolveria. Ainda mais saber que a leitura foi chata e arrastada fez com que o pingo de interesse que eu poderia ter no livro arrefecesse.

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Eu sou a louca dos romances policiais e pior ainda, sou curiosa demais. O fato de você dizer que o livro não te conquistou tanto assim me dá vontade experimentar - o que é esquisito - para ver o que eles tavam arrumando. Mas, concordo com você que premissas interessantes podem se perder com facilidade quando a história se arrasta, é uma pena. Espero que quando eu pegar para ler, eu não odeie hahaha Beijos miga!

    ResponderExcluir
  4. Olá meninas tudo bem? Eu sou apaixonada por um bom suspense policial, esse ano já perdi as contas de quanto livros do gênero eu já li, por isso estou tentando parar...kkkk
    Gostei muito da indicação literária que vocês fizeram, apesar de ficar muito chateada quando um livro está indo bem e depois esfria do nada, ou melhor "gela" e nos deixa desnorteadas.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan