Slider

[Resenha] Os delírios de consumo de Becky Bloom, para rir e pensar sobre a dificuldade de mudarmos

sexta-feira, junho 01, 2018


Rebecca Bloom é uma jornalista que vive em Londres e é especialista em finanças. Em vários sentidos. Especialmente no sentido de saber quanto vale uma bolsa da Chanel ou um Sapato Yves Saint Laurent (que aliás eu tive que pesquisar para saber como escrevia). Insatisfeita com seu trabalho numa revista financeira - quem gostaria de ficar o tempo todo falando se números que ninguém entende?- Becky passa o resto do seu tempo comprando. Então não é atoa que está super endividada. O livro é narrado em primeira pessoa, e ao longo dele, várias cartas e e-mails de banco a respeito das dívidas de Becky. A questão é: como sair dessa?




Diferente do filme, a questão da compulsão de Becky é muito mais bem abordada. O livro narra as dificuldades da protagonista em se desvencilhar das mentiras, em evitar compras, em gastar menos. Ela de fato trabalha muito mas odeia o que faz, não é uma pessoa preguiçosa, só está insatisfeita. Além disso, ela tem que lidar com seu chefe, com as mentiras que conta para os seus pais (claro que essa bota só custou 50 libras!) e com o irritante Luke Brandon, dono de uma grande corporação que sempre olha para ela parecendo ser o único a enxergar que ela é uma fraude.

O que eu mais gosto nesse livro é que a Becky, apesar de irritante em alguns momentos, ela é muito real. Ela mente, ri, chora, sofre, procrastina, tudo como qualquer um de nós, apenas mais endividada que a maioria de nós - assim espero. Ela foge dos problemas, tenta enganar o banco e sempre arruma uma desculpa para não pagar as contas, não enganando os outros, mas enganando a si mesma, coisa que muitos de nós fazemos vez ou outra. 


Eu amei esse livro, sério. A escrita da Sophie é descritiva, cheia de detalhes, mas sem ficar cansativa. É um livro leve, divertido e muito mais inteligente e bem estruturado que o filme (que eu amo, não me levem a mal). Acompanhar a jornada da Becky me fez rir muito, mas também me fez pensar em como conseguimos alcançar as coisas quando realmente decidimos mudar. E o mais divertido de tudo é que mesmo com mudanças em seus hábitos, Becky é fiel ao seu jeitinho de ser até a última página. É um livro indispensável para fãs de Chick-lits, e uma excelente proposta para quem está iniciando esse mundo.

6 comentários:

  1. Olá!
    Nunca li esse livro mas sou apaixonada pelo filme, e a Becky é de fato única. Com certeza vou acrescentar essa obra à minha wishlist, ainda mais porque nunca li nada da Sophie Kinsella quando sei que o trabalho dela é muito bem elogiado!
    Adorei a sua resenha, foi breve e muito bem explicada! Ótimo título <3
    Beijos,
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga, eu também gostei bastante do livro, talvez por isso eu não tenha conseguido gostar tanto do filme assim. Eu imaginei muitas coisas que não estavam tão perto da ideia desenvolvida pelo filme, mas nao posso reclamar nem um pouquinho do Luke Brandon no filme.Será porque em? haha é crush que fala, né? <3

    ResponderExcluir
  3. Oiiieee

    Eu sempre tive curiosidade em ler o livro, assisti a adaptação, ficou bem divertida mas imagino que o livro aborda mesmo todas as questões com maior profundidade. Esse lado que faz a Rebecca humana é o que faz a gente amar a série com certeza. Ah que vontade de ler algo dessa autora já!

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Lô, tudo bem?

    Eu sempre tive curiosidade em ler o livro, mas admito que não leio porque já assisti ao filme. Sempre quando quero ler um livro que foi adaptado para filme, eu preciso primeiro ler para depois assistir, porque não consigo fazer o caminho contrário.
    Quando assisti ao filme, não sabia que era baseado em um livro.. que pena, por acho que teria adorado a história. O filme é maravilhoso. Eu já achava que abordava a questão do consumismo muito bem, mas pelo jeito o livro é muito melhor.

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá, como vai? Eu nunca assisti ao filme apesar, de já ter visto ele passando na televisão algumas vezes a história não chamou a minha atenção, quanto ao livro eu achei a sua resenha muito interessante e tenho certeza que é o tipo de livro que rimos muito com as loucuras que a personagem faz, assim que eu tiver uma oportunidade irei ler o livro. Amei todas as fotos que você fez!

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
  6. Oi, eu amo os livros da Sophie, principalmente porque a mulher é especialista em criar personagens desastradas e bem humoradas, mas infelizmente não li esse livro mas espero ler em breve.

    BJO

    ResponderExcluir

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan