Slider

[Resenha] A originalidade e a diversão de um amor entre duas pessoas que não aceitam ser contrariadas

quarta-feira, julho 25, 2018


Era uma vez no outono | Lisa Kleypas As quatro estações do amor #2 288 páginas |Editora arqueiro, 2016 | SKOOB 

“- Westcliff está sempre procurando uma desculpa para demonstrar sua superioridade, não é?
- Era isso que ele estava fazendo? A mim pareceu que estava tentando arranjar uma desculpa para abraçá-la.”

Lillian, a mais velha das duas irmãs Bowman precisa se casar com um aristocrata, e rápido. Ela não possui uma beleza convencional típica das jovens debutantes inglesas, muito menos classe para pertencer à nobreza. Sendo a segunda mais velha no grupo das “Flores secas” – formado por Anabelle, agora casada, ela, Evie e Daisy – é a sua vez, mas infelizmente todos os bons partidos parecem velhos demais, ou comprometidos. Bem, quase todos.

O Lorde Westcliff não é nem de longe o cavalheiro ideal. Arrogante e teimoso, Marcus tem o título mais antigo da Inglaterra e é um dos poucos condes ainda não casados, e o único suficientemente jovem para que se possa pensar nisso sem que a comida se revire no estômago. Entretanto, mesmo se ele estivesse a procura de uma esposa, ele preferiria morrer procurando a se casar com Lillian. Embora uma faísca acenda sempre que estão juntos, ele despreza os seus modos e a forma com que ela discorda com tudo que lhe é imposto. Mas talvez, tudo o que os incomoda um no outro seja o que os torna tão parecidos.


Em Era uma vez no outono, vemos um romance delicioso se desenvolver. Ele é daquele tipo cão e gato em que a mocinha não quer dar o braço a torcer, e que o protagonista está longe de ser um cavalheiro de armadura brilhante, sendo ainda sim, especial a seu próprio modo. Eu amo o jeito como Lillian é independente, não tem papas na língua e não se importa de se sacrificar para conseguir o que quer. Ela é uma personagem forte, extremamente inteligente e que terá a oportunidade, junto com Marcus, de perceber que o amor pode não ser nada convencional. Mesmo quando descobrirem isto, haverá muitos obstáculos a serem enfrentados, mas quando finalmente conseguirem estar juntos, verão que o sentimento era ainda maior do que esperava.

Como o segundo livro da série, é um excelente romance, divertido e leve na medida certa, mas ao mesmo tempo intenso. A história é cheia de mistérios, daqueles de fazer o coração acelerar e cruzar os dedos, com medo de saber o que virá na próxima página. A escrita da Lisa Kleypas é extremamente fluida, que te faz ler o livro num piscar de olhos e ter aquele sentimento ambíguo de querer correr para encontrar o final feliz e ao mesmo tempo não querer terminar. Estou louca para ler o próximo da série, tenho certeza que será ainda mais intenso que este.

2 comentários:

  1. Nossa, estou doida para ler um romance de época desses <3

    ResponderExcluir
  2. Oi Lô, tudo bem? Eu não costumo ler romances de época mas, esse ano me surpreendi com uma história
    desse gênero escrita pela autora Juliana Dantas, super recomendo! Olha, estou curiosa para ler esse livro porque a sua resenha chamou muito a minha atenção, ela transmitiu muito emoção, mesmo não sendo do meu gênero favorito vou dar uma chance para a história.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan