Slider

[SÉTIMA ARTE] O QUE ESPERAR QUANDO SE ESTÁ ESPERANDO

domingo, julho 01, 2018

Direção: Kirk Jones
Duração: 110 minutos
Data de lançamento: 3 de Agosto de 2012
Disponível na Netflix





Esse amorzinho de filme nos retrata a experiência de cinco casais que estão a espera do primeiro filho. Com um elenco MARAVILHOSO, ele nos trás a história de Jules (Cameron Diaz), a apresentadora de um reality show que mostra a luta de pessoas para emagrecer, que acaba engravidando de Evan (Matthew Morrison), seu parceiro no programa Dança das Celebridades. Holly (Jeniffer Lopez) é casada com Alex (Rodrigo Santoro), e após várias tentativas sem sucesso de gerar um bebê, resolvem adotar uma criança. Wendy (Elisabeth Banks) sempre sonhou em ser mãe. Depois de dois anos tentando, ela e Gary (Ben Falcone) acabaram de descobrir que seu primogênito está por vir. Ao fazer uma visita a Remsey (Dennis Quaid) e Skylet (Brooklyn Decker), pai e madrasta de Gary, para contar a grande novidade, eles foram surpreendidos pela notícia de que a família deles também iria aumentar. Por último, mas não menos especial, Rosie (Anna Kendrick), uma jovem vendedora de lanches, se envolve sexualmente com Marco (Chase Crawford) e esse encontro casual acabou gerando um novo ser.

  
O filme mostra como cada casal lida com o curso da espera pela criança. O que me encantou muito nessa história foram as várias faces de um momento tão sublime na vida de um casal. A gestação mostrada que mais me marcou Foi a de Wendy e Gary. Um dos meus maiores sonhos da vida é ser mãe, e eu sempre me vejo fantasiando como eu seria maravilhosa a experiência de gerar uma criança e de como eu me sentiria passando por isso, mas o que eles passaram durante o filme me mostra que nem tudo sai como o imaginado. Wendy não teve sua gravidez dos sonhos e ainda teve que lidar com o fato de ter que dividir "os holofotes" da maternidade com a esposa de seu sogro, que de uma forma totalmente inesperada engravida de gêmeas e tem a gestação que ela sempre sonhou. Mas a experiência dela mostra que nem por que não aconteceu conforme o script o final não valha a pena. Chorei horrores assistindo, mas acho que vocês já esperam isso de mim, não é mesmo?

E aí, amores? Já assistiram esse filme? Gostaram? Conhecem algum outro filme nesse mesmo estilo que possam me indicar?
Espero vocês na próxima! Tenham uma ótima semana! Beijocas!


6 comentários:

  1. Oi miga, nunca tinha ouvido falar sobre esse filme. Mas, tu me conhece né? Esse filme soa aqueles que tentam falar um pouco de maternidade de uma forma fofa, mas tentando dar uma retirada daquelas idealizações que se criam sobre o assunto na vida hahaha quero muito assistir, mesmo sem poder! Suas fotos ficaram um amor, beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente isso, amiga!
      Ele desmistifica muita coisa, mostra também como o pai se prepara pra receber o filho, é o marcante na participação do Santoro, inclusive. Mostra também que o fato de você adotar não te faz menos mãe ou pai do que um casal que consegue gestar. Mostra muito mais coisa também, mas vou parando por aqui, por que você ainda vai assistir.
      Quando ver, me conta, tá?
      Beijocas!

      Excluir
  2. Oi Ana, que filme interessante!
    Olha eu nunca tinha escutado falar de filme, nem mesmo uma propagando! Apesar de não querer ter filhos por agora, estou curiosa para assistir o filme e compreender como as mamães de primeira viagem se sentem. Parabéns pela resenha, ela ficou muito bonita e empolgada.

    Beijos e Abraços VIVI
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vivi!
      Eu amei esse filme! Ele quebra os paradigmas de gestação boa ou gestação ruim, sabe?
      Obrigada, pelo carinho!
      Beijocas!

      Excluir
  3. Eu já tinha visto esse filme no catalogo da NetFlix mas nunca dei bola, agora que li sua resenha sobre ele fiquei curiosa. Sobre o tema, bom eu não quero ter filhos mas isso não impede de admirar casais que queiram ter.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karol!
      Esse filme apareceu de sugestão pra mim na Netflix e eu resolvi assistir. Acho que o fato de você ter escolhido não ter filhos não fará com que você desgoste do filme. Assim como cada mulher teve seu momento diferente, a escolha de não ter filhos também é uma faceta dessa história toda.
      Obrigada pelo carinho!
      Beijocas

      Excluir

CopyRight © | Theme Designed By Hello Manhattan